Projeto de vida contribui para qualidade no envelhecimento

Além de atividade física, alimentação saudável e convívio social, idosos precisam ter contato com experiências prazerosas

Jornal da USP –  Giovanna Grepi

Todos buscam qualidade de vida para viver mais e melhor na terceira idade. Atividade física, alimentação saudável e convívio social são algumas ações que beneficiam o envelhecimento.

Para o professor Carlos Roberto Bueno Júnior, da Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto (EEFERP) da USP, as atividades físicas trazem benefícios para a circulação sanguínea, além de melhorar a auto-estima e as relações sociais.

Ele conta que estabelecer um projeto de vida contribui para a melhoria da qualidade de vida. Por isso, é importante que a terceira idade tenha contato com experiências prazerosas. “É importante não sobrecarregar os idosos com os quais temos contato. É extremamente comum eles ficarem cuidando dos netos o dia todo, por exemplo”.

No link abaixo você pode ouvir a entrevista dada pelo professor:

 

(foto de abertura: divulgação Virada da Maturidade 2017)

Deixe um comentário