Depois de 72 anos de namoro velado, norte-americanas finalmente puderam se casar

Posted by
Alice e Vivian se conheceram na faculdade e desde então mantinham um relacionamento homoafetivo; hoje, casadas, elas vivem em uma casa de repouso

 

Redação Plena 

Você gosta de boas histórias de amor? Aí vai uma: as norte-americanas Alice “Nonie” Dubes, de 90 anos, e Vivian Boyack, de 91, se conheceram na faculdade, no Iowa State Teachers College, onde estudavam para serem professoras. Desde então, as duas mantiveram um relacionamento homoafetivo, mas foi só  em setembro de 2014, depois de 72 anos, que elas conseguiram subir ao altar e dizer o mágico “sim”. Isso porque até 2009 o casamento entre pessoas do mesmo sexo não era permitido em Iowa, estado em que moram.
 
Segundo o The Guardian, que entrevistou o casal, Alice e Vivian viveram um amor velado, mas intenso e verdadeiro – para os outros, elas eram apenas boas amigas.
 
O casal teve seu matrimônio oficializado na First Christian Church, na cidade de Davenport, e provocou lágrimas até mesmo no pastor que celebrou a união. “Eu já fiz vários casamentos com pessoas jovens e, infelizmente, eu não acredito que todos tenham durado. E essas duas [Alice e Vivian] são as que não poderiam estar em um relacionamento? Elas são pessoas modelos“, afirmou o pastor.
 
As duas, que moram hoje em uma casa de repouso, estão mais do que felizes por, enfim, poderem assumir seu amor para o mundo. “A melhor parte foi todo o carinho que nós recebemos como resposta de todas as pessoas. Foi muito bom“, afirmou Vivian.
 
Com informações Hypeness
 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *