Pesquisa indica que, mesmo com a crise, idosos pretendem viajar mais neste ano

Posted by
Viajantes com mais de 60 anos fizeram pelo menos 18 milhões de viagens no ano passado, um aumento de 11% nos últimos quatro anos

 

Redação Plena

 
 
O público da terceira idade no Brasil está aproveitando bem o tempo livre para viajar. Isso é o que demonstra pesquisa do Skyscanner,líder global em busca online de passagens aéreas, hospedagem e aluguel de carros, realizada pelo Conectaí, braço digital do Ibope Inteligência. Segundo o levantamento, 61% dos entrevistados com mais de 55 anos planejam viajar mais em 2015 do que no ano anterior.
 
De acordo com o Ministério do Turismo, que corrobora essa tendência, viajantes com mais de 60 anos fizeram pelo menos 18 milhões de viagens no ano passado, um aumento de 11% nos últimos quatro anos. De acordo com seu boletim mensal que mede a intenção de viagem do brasileiro, 32% dos idosos estão dispostos a arrumar as malas nos próximos seis meses. Entre o público que têm até 35 anos, a intenção de viajar se reduz a 22% no mesmo período.
 
Para  o médico geriatra Dr. Frederico Berardo, um dos motivos desse aumento de pessoas da terceira idade viajando é que hoje elas possuem mais tempo para se dedicarem ao que gostam, poder aquisitivo e liberdade de escolha, principalmente para planejar a viagem que sempre desejaram. “A  população da terceira idade no Brasil está crescendo, assim como o acesso às informações gerais relacionadas a  destinos bacanas, hotéis diferenciados, entre outros. A vantagem de viajar nessa fase da vida é que as pessoas curtem mais o destino escolhido, selecionam melhor o acompanhante, e por serem mais maduras e experientes, não cometem excessos”, conta o Dr. Frederico da Premium Care Clínica de Longa Duração.
 
 A pesquisa do Skyscanner aponta ainda que quando questionados sobre os principais motivos pelos quais gostam de viajar, 69% dos entrevistados respondem que viajam para conhecer novos lugares, enquanto 51% dizem que viajam para relaxar e 46% mencionam o contato com novas culturas como principal motivação.
 
 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *