Pilates e Flymoon conquistam a preferência de idosos com programas de aulas desenvolvidos especialmente para a melhor idade

Posted by
Idealizado pela dançarina e arte-educadora Clara Trigo, em parceria com a Physio Pilates, a Flymoon estimula o equilíbrio, ludicidade e tonificação em todas as idades, inclusive, nas pessoas acima dos 60 anos

 

Redação Plena

O número de idosos – pessoas com mais de 60 anos de idade – não para de crescer no Brasil e já ultrapassa 10% da população total, mais de 24 milhões de indivíduos. Até 2025 serão 64 milhões de idosos no país e em 2050 um em cada três brasileiros será idoso. O avanço na expectativa de vida é coroado por outras conquistas igualmente gratificantes: hoje, mais de 70% dos idosos são independentes financeiramente, 66% deles usam regularmente a internet, entre outras vitórias.
 
Na área da saúde eles não deixam por menos. É comum encontrar idosos exercitando-se em parques, nas piscinas e espaços das academias. Entre as atividades físicas, uma tem conquistado a preferência dos veteranos. Trata-se do Pilates, uma opção excelente quando o assunto é adquirir flexibilidade e equilíbrio.
 
O método fortalece músculos, ligamentos e articulações, alivia dores, melhora a postura corporal e a autoestima. "A prática do Pilates oferece um ambiente confortável e seguro para a terceira idade. É possível colocar os corpos em movimento com uma infinidade de recursos. Nesse ambiente não cabe a ideia da dor como benefício para o corpo, ao contrário, prevalece a noção de que é preciso sair da atividade física sentindo se bem, equilibrado", comenta Clara Trigo.
 
E quando o assunto é equilíbrio, um método inovador, criado por Clara Trigo, tem chamado a atenção, principalmente por suas aplicações bem-sucedidas para pessoas acima dos 60 anos. Trata-se do método Flymoon, idealizado a partir de um equipamento, desenvolvido em parceira com a Physio Pilates, capaz de gerar a instabilidade necessária para a busca da estabilidade. O método promove tonificação, alongamento, ludicidade, funcionalidade e, principalmente, equilíbrio. "Os benefícios atendem pessoas de todas as idades, mas, podem ser sentidos principalmente por idosos que têm seu equilíbrio drasticamente reduzido devido às degenerações no sistema nervoso central".
 
Segundo Clara, a Flymoon pode ser uma excelente ferramenta para a prevenção de quedas. Com o passar do tempo, os idosos perdem mobilidade, força e resistência. Muitos ficam privados do convívio social, o que afeta autoconfiança e independência. "Com o envelhecimento é muito comum a perda de cálcio nos ossos, o que leva a fraturas e sequelas. É normal também perder estratégias motoras de equilíbrio, assim como é comum notar a circulação prejudicada. O trabalho sobre a Flymoon® propicia aprendizado motor muito relevante para a prevenção de quedas. A instabilidade provocada pela Flymoon® favorece a aptidão para o equilíbrio. Apenas através de desafios de instabilidade, é possível acionar musculaturas profundas estabilizadoras de maneira coordenada e ágil" – esclarece Clara.
 
De acordo com a especialista, com a Flymoon® o trabalho de mobilização e estabilização de tornozelos é muito eficaz, bem como ativação de músculos importantes para o equilíbrio na marcha (como glúteo médio), bem como para a circulação de retorno (como os músculos das panturrilhas).
 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *