Ele esqueceu do aniversário de casamento? A ciência explica: homens têm uma memória mais pobre do que as mulheres

Posted by
 As diferenças entre homens e mulheres ficam mais pronunciadas aos 40 anos e aos 60 anos de idade

 

Redação Plena

 
Muitas mulheres podem pensar que seus maridos têm uma memória seletiva quando esquecem datas importantes, aniversários, comemorações, mas nunca a data dos jogos de futebol. 
 
Mas um novo estudo, publicado no JAMA Neurology, defende que o esquecimento pode não ser culpa dele, inteiramente. Pesquisadores da Clínica Mayo dizem que suas descobertas provam que, em geral, os homens têm uma memória mais pobre do que as mulheres.
 
Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores analisaram o funcionamento cognitivo de 1.246 homens e mulheres com idades entre 30 e 95 anos, ao longo de um período de oito anos. "Eles constataram que tanto a memória, quanto o volume do cérebro encolhem com a idade, em ambos os sexos. Os homens apresentaram memórias mais pobres e volume do hipocampo menor do que as mulheres. As diferenças ficam mais pronunciadas aos 40 anos e aos 60 anos de idade, respectivamente", informa a  geriatra Elaine Kemen Maretti, que integra o corpo clínico do Iredo, Instituto de Reumatologia e Doenças Osteoarticulares.
 
Embora a memória diminua com a idade global, o volume do hipocampo, a parte do cérebro que faz o armazenamento das memórias, diminui gradualmente a partir de meados dos anos 60, e mais rapidamente a partir dessa idade.
 
 Os pesquisadores também queriam investigar se os portadores de APOE ε4, um gene encontrado em cerca de 40% dos doentes de Alzheimer com início tardio, tinham sua memória e função cognitiva afetadas em todas as idades. "Usando exames de ressonância magnética, os pesquisadores descobriram que os portadores do gene APOE ε4 apresentavam proteínas amiloides cerca de sete anos mais cedo do que os não-portadores do gene", diz a médica.
 
Os autores dizem que os resultados mostram que os declínios na memória relacionados à idade não são necessariamente relacionados com o acúmulo da proteína, como comumente se pensa, uma vez que os declínios na memória foram observados antes do acúmulo por meio dos exames cerebrais.
 
 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *