Julianne Moore ganha o Oscar de melhor atriz interpretando professora com Alzheimer

Posted by
Era a quinta indicação da atriz, que jamais havia vencido estatueta. Ela dedicou o prêmio aos portadores da doença
 
Redação Plena
 
 
Julianne Moore finalmente levou uma estatueta do Oscar para casa. A atriz, de 54 anos, ganhou neste domingo (22) o Oscar de melhor atriz por "Para sempre Alice", longa em que interpreta uma mulher que sofre de Alzheimer. Ela competia com Marion Cotillard ("Dois dias, uma noite"), Felicity Jones ("A teoria de tudo"), Rosamund Pike ("Garota exemplar") e Reese Witherspoon ("Livre").
 
A história foi baseada no livro “Para Sempre Alice”, de Lisa Genova, e conta o drama de Alice Howard, uma professora de linguística da Universidade de Columbia que é diagnosticada com um início precoce de Alzheimer.  . Quando Still Alice estreou no Festival de Toronto, Julianne Moore foi ovacionada – desde então ela era a favorita para o Oscar.
 
 
“Eu li um artigo que dizia que ganhar um Oscar fazia viver cinco anos a mais. Se isso é verdade, gostaria de agradecer a Academia, pois meu marido é mais jovem que eu", brincou a atriz.
 
Julianne Moore também dedicou seu prêmio às pessoas com Alzheimer.
 
O filme estreia por aqui em 12 de março. Confira o trailer:
 

 
 
Saiba quem levou as demais estatuetas:
 
Melhor Ator Coadjuvante: J.K. Simmons, por Whiplash
Melhor Figurino: Milena Canonero, por Grande Hotel Budapeste
Melhor Maquiagem e Penteados: Frances Hannon e Mark Coulier, por Grande Hotel Budapeste
Melhor Filme Estrangeiro: Ida, de Pawel Pawlikowski (Polônia)
Melhor Curta: The Phone Call
Melhor Documentário em Curta-metragem: Crisis Hotline: Veterans Press 1
Melhor Mixagem: Whiplash
Melhor Edição de Som: Sniper Americano
Melhor Atriz Coadjuvante: Patricia Arquette, por Boyhood
Melhores Efeitos Visuais: Interestelar
Melhor Curta de Animação: Feast
Melhor Animação: Big Hero 6
Melhor Design de Produção: Grande Hotel Budapeste
Melhor Fotografia: Birdman
Melhor Montagem: Whiplash
Melhor Documentário: CitizenFour
Melhor Canção: Glory, de John Legend e Common
Melhor Trilha Sonora: Grande Hotel Budapeste 
Melhor Roteiro Original: Alejandro G. Iñárritu, Nicolás Giacobone, Alexander Dinelaris, Jr. e Armando Bo, por Birdman
Melhor Roteiro Adaptado: Graham Moore, por O Jogo da Imitação
Melhor Direção: Alejandro G. Iñárritu, por Birdman
Melhor Ator: Eddie Redmayne, por A Teoria de Tudo
Melhor Atriz: Julianne Moore, por Para Sempre Alice
Melhor Filme: Birdman

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *