Projeto ‘Estação Memória’ propõe troca de cartas entre estudantes e idosos

Encontro de gerações incentiva a pesquisa, desenvolve a escrita e leitura dos estudantes e trabalha a memória dos idosos.

 

Os alunos do ensino fundamental do Colégio Termomecanica-CTM, escola de educação básica mantida pela Fundação Salvador Arena, participaram de mais uma edição da Estação Memória, projeto de pesquisa e extensão desenvolvido em parceria com a Universidade de São Paulo (USP) para realizar encontros intergeracionais voltados à trocas culturais entre idosos, crianças e adolescentes.

O encontro aconteceu na última quarta-feira, 18/10, na sede do Colégio Termomecânica, em São Bernardo do Campo, e, na ocasião, os alunos conheceram pessoalmente o grupo de idosos com quem trocaram correspondências desde o início do ano letivo. Neste ano, sob a temática Lendas Urbanas – Histórias que o povo conta, os estudantes tiveram a tarefa de pesquisar mitos e lendas contadas por seus familiares e compartilha-las com os idosos nas correspondências, que, por sua vez, também contaram as histórias que ouviam antigamente.

Márcia Gomes de Lima, coordenadora pedagógica do Colégio Termomecanica, explica que o projeto contribui com o processo de aprendizagem dos alunos. “A proposta do projeto Estação Memória é mais uma oportunidade para falarmos da importância do respeito aos mais velhos e de mostrar aos nossos alunos o quanto pode ser rica a troca de experiências e convivência com os idosos, que são fontes de informação. Além disso, também dispomos do projeto para despertar o interesse pela pesquisa e para desenvolver a escrita e a leitura dos estudantes, já que eles precisam preparar as cartas que serão enviadas aos idosos”, completa.

Segundo Ivete Pieruccini, coordenadora do projeto e pesquisadora da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo ECA/USP, a iniciativa tem caráter cultural e educativo. “Em geral, o trabalho com memória e/ou com idosos tem viés assistencialista ou apenas culto ao passado, mas na Estação Memória a proposta é que os jovens tratem os mais velhos como fontes significativas de informação, que se apropriem e aprendam com a experiência, e que os idosos ressignifiquem sua experiência a partir das relações estabelecidas com os jovens”, explica.

Em edições anteriores no Colégio Termomecanica, o projeto Estação Memória abordou temas como adolescência, esportes, a era do rádio, a ditadura da beleza, a revolução das mulheres e brincadeiras infantis.

Sobre o Colégio Termomecanica

O Colégio Termomecanica-CTM é uma escola de ensino infantil, fundamental, médio e técnico totalmente gratuitos localizada no município de São Bernardo do Campo, região da Grande São Paulo. O CTM é reconhecido pelo ensino intensivo e humanista, que desenvolve toda a potencialidade do aluno em sala de aula e como cidadão. A instituição integra o Centro Educacional da Fundação Salvador Arena, principal projeto social da Fundação Salvador Arena na área de educação. www.cefsa.org.br.

Fonte: CDN Comunicação/foto –  divulgação

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *