Qualidade do sono pode interferir na saúde do coração

Posted by
Quando o sono é insuficiente, o cérebro fica em alerta e há produção de substâncias que podem provocar taquicardia

 

Redação Plena

 
O sono é uma função imprescindível do nosso organismo e essencial para a manutenção da saúde do corpo e da mente. Logo, dormir pouco não afeta apenas o equilíbrio emocional ou a capacidade de raciocínio do indivíduo. Esse hábito também pode causar a longo prazo, dentre outros males, sérios danos à saúde do coração.
 
Segundo Carolina Carmona, fisioterapeuta e especialista em Medicina do Sono da Duoflex, quando dormimos há um momento de repouso do sistema cardiovascular, no qual, tanto a frequência cardíaca quanto a pressão arterial são reduzidas. “Quando o indivíduo adormece, a pressão arterial e os batimentos cardíacos se elevam enquanto as informações do dia são processadas. Depois há uma queda na atividade metabólica e redução da pressão arterial e da frequência cardíaca. Posteriormente, no sono profundo, há liberação de hormônios. Quando a pessoa acorda, seus músculos estão relaxados e o coração desacelera. Com esse ciclo efetuado, o físico e o psicológico descansam”, explica a especialista.
 
Ainda de acordo com a fisioterapeuta, quando o sono é insuficiente, o cérebro fica em alerta e há produção de substâncias que podem provocar taquicardia. ”Esse estresse que foi estimulado induz à hipertensão que prejudica os vasos sanguíneos. Além disso, as noites mal dormidas interferem na produção de hormônios que geram saciedade, surgindo também a tendência à obesidade” esclarece.
 
Para cuidar bem do coração, é necessário manter uma rotina de descanso, praticar atividades físicas, dormir com travesseiros e colchões adequados a sua postura e biótipo, manter o quarto silencioso e escuro, além, claro, ter uma alimentação saudável. ”Tente diminuir o ritmo acelerado, pois não adianta noites mal dormidas durante a semana e a suposta recuperação do sono no final de semana, porque o organismo necessita de uma disciplina que respeite, verdadeiramente, o relógio biológico”, finaliza.
 
 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *