Reflexão: Ariano Suassuna discorre sobre Deus e o sentido da vida

Posted by
Em uma de suas últimas entrevistas, o escritor, falecido em 2014, traz poemas e referências literárias para ilustrar sua crença em Deus. Veja o vídeo

 

Redação Plena

 “Se eu não acreditasse em Deus, seria um desesperado”. A frase foi dita pelo grande escritor Ariano Suassuna, falecido em 2014, aos 87 anos. Essa e outras declarações fazem parte de uma entrevista que o dramaturgo paraibano, autor de obras como Auto da Compadecida, concedeu a Eric Nepomuceno, no programa Sangue Latino.
 
Durante a conversa, Suassuna traz poemas e referências literárias para apresentar suas ideias sobre Deus e o sentido da vida. Entre uma reflexão e outra, o escritor recita o poema de Leandro Gomes de Barros: “Quem foi temperar o choro e acabou salgando o pranto?”.
 
Veja:

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *