djmedia:6

‘Última estação’: a melancólica beleza de um poema sobre a velhice

Convidada pelo Plena a refletir sobre a velhice, a escritora Risomar Fassanaro nos enviou este belo poema escrito há alguns anos.
Última estação 
        
as mãos já não tricotam
a xícara de chá não se equilibra
nos gestos bêbados
os pés se arrastam
desafio inútil
e era
a moça mais bonita da cidade
onde as  rendas
que ocultavam o ombro nu?
a pele mal recobre
o dócil esqueleto
os filhos
dispersaram-se  no tempo
sua paisagem hoje
é esta última estação

One comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *